Senhora, José de Alencar (Resenha)

Uma resenha e a confissão de um crime

Minha história com o livro Senhora, de José de Alencar começou na 6.ª série quando a professora de português pediu que o lêssemos para fazer resenha. Eu não lembro como acabei fazendo a tal resenha porque não consegui ler esse livro na época. Ainda não tinha capacidade mental para compreender a linguagem mais rebuscada.

Senhora é um clássico da literatura brasileira e o escritor José de Alencar, como todos devem sabem, tem fama de ser provavelmente o escritor dos livros mais complicados de ler (talvez depois daquele Pero Vaz de Caminha).

Lembro que li umas 20 e poucas páginas na época e abandonei. Só que tomei aquilo por desafio, pensei “um dia eu vou conseguir ler isso aqui”, Continuar lendo “Senhora, José de Alencar (Resenha)”

Anúncios

O Processo Maurizius, Jakob Wassermann

o_processo_maurizius

No verão passado li o livro O Processo Maurizius, de Jakob Wassermann, um sucesso da literatura alemã. A história se passa no século XX e conta a história de um garoto de 16 anos, filho do juiz/barão/promotor da cidade. Garoto muito inteligente e um tanto autodidata, que sai em busca por respostas sobre um caso com que ele se deparou. Continuar lendo “O Processo Maurizius, Jakob Wassermann”

O Quarto Fechado, Lya Luft

Inspirada pelo site literário que venho acompanhando ferrenhamente nas últimas semanas, o Livro & Café da Francine Ramos, resolvi escrever um pouco sobre o livro que estou lendo. Comecei a ler ontem à noite o livro O Quarto Fechado, da Lya Luft e estou quase na metade do livro.

Um romance tenso, denso, angustiante, mas que você não consegue parar de ler, Lya Luft traz uma história de reflexões sobre a morte e a vida. Continuar lendo “O Quarto Fechado, Lya Luft”